Fantasias


Existem meninas mais recatadas, outras nem tanto. Há quem prefira a noite e quem goste mais do dia; quem tem apetite para um banquete e quem é mais chegado ao bom e velho feijão com arroz. Luz acesa ou apagada, engolir ou cuspir, por cima ou de ladinho, enfim, uma série de alternativas para agradar gregos e troianos sedentos por sexo, que fazem de tudo para não deixar a peteca (!) cair.

Entre as mais surpreendentes opções para inovar nesse tema, que já vem sendo colocado em pauta desde os tempos de Adão e Eva, alguns casais apelam para suas fantasias eróticas mais íntimas. E não estamos falando de transar a três ou em local público, mas sim em vestir fantasia – literalmente!

As fantasias povoam o imaginário masculino e da mulherada também… São roupas que estimulam as mais diversas fantasias sexuais, apimentam o ambiente e coram até a mais pálida das criaturas.

Basta dar uma espiadinha nas opções: coelhinhas, diabinhas, tiazinhas! Ou que tal uma enfermeira assanhada com uma bela injeção de ânimo? Já a famosa roupinha de colegial: blusinha branca e (mini, mini) saia plissada azul marinho, continua fazendo a cabeça das pessoas – saiba que tem muita gente que já concluiu o terceiro grau vestindo um uniforme de novo.

A imaginação é infinita: viúva, pirata, prisioneira, noiva, virgem, pantera cor-de-rosa e mais um monte de outras opções para encarnar durante a transa!

Vestir uma roupinha dessas é algo que não apenas surpreenderá os homens, como vai mexer com a cabeça da mulherada!

Enquanto eles deliram com os trajes e reboladas, elas se sentem as donas do pedaço. E o resultado? Uma transa de alucinar!

O legal dessa brincadeira, é que existe uma infinidade de personagens que podem ser encarnados e descobertos! Já pensou que com cada modelito explorado, não existirá rotina ou falta de apetite sexual que resista?

Não existe quase nenhum contra em relação a esse assunto, talvez pontinhos a serem apontados: a timidez pode ser a vilã da história e pode transformar a brincadeira de afrodisíaca em hilária. Portanto, trajes colocados, vergonha de lado!

Outro ponto fundamental é, mesmo que a mulher esteja morrendo de vontade de colocar seus desejos em prática, será preciso que o seu parceiro também entre no clima.

É melhor avisar o moço antes, pois essa história de fazer surpresa é arriscada. Já pensou se bem no dia em que ela aparece vestida de coelhinha o homem brigou com o chefe e teve um dia de cão? Vai dar tudo errado. Ele pode soltar uma frase do tipo “o que você está fazendo com essa roupa?” Ou então até vai participar da brincadeira — mas sem vontade, só para não desapontar a mocinha.

Fora esses simples detalhes, há motivos de sobra para colocarem em prática essa infinidade de personagens que existem por trás de cada roupa, lembrando sempre que segurança e disposição são as palavras chaves para a brincadeira ficar 100%!

Sex Shops são fundamentais nesse momento, pois existe de tudo – desde o modelito clássico até versões mais ousadas das roupas, sem contar nos acessórios (tem algemas também. Quem nunca pensou nelas? Em couro ou de metal, essas são para quem sonha em ser dominado ou dominar), que deixarão o clima muito mais quente.

Lembre-se também que ambos têm que entrar no jogo. Que tal se ele se vestir de médico e ela de enfermeira? Opa! Que ótima idéia. Fica aqui o convite para os namorados, maridos e amantes se vestirem esta noite de policiais, bombeiros, marinheiros e o que mais a imaginação e o tesão mandarem.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: