Mortes estranhas de cantores

Bon Scott
Vocalista do AC/DC, morreu em 19 de fevereiro de 1980, engasgado no próprio vômito.

Ian Curtis
O vocalista do Joy Division se enforcou aos 23 anos. O restante da banda formou o New Order mais tarde.

James “Shep” Sheppard
Em janeiro de 1970, o líder dos Heartbeats foi surrado até morrer num carro na Long Island Expressway.

Jimi Hendrix
Morreu engasgado com o próprio vômito, após uma overdose de barbitúricos.

John Belushi
O músico do grupo Blues Brothers morreu de overdose em um hotel de Los Angeles, nos Estados Unidos. Ele tinha 33 anos.

John Bonham
O baterista do Led Zeppelin morreu na casa de Jimmy Page, na cama. Sufocou-se com seu vômito depois de ter tomado 40 doses de vodca com suco de laranja.

John Glasscock
O baixista do Jethro Tull morreu aos 26 anos por causa de uma infecção resultante de um abscesso dentário.

John Lennon
Foi assassinado por um fã em frente ao edifício em que morava, em dezembro de 1980.

Johnny Ace
Faleceu na noite de Natal de 1954, na cidade de Houston. Estava no camarim brincando de roleta russa.

Kurt Cobain
O vocalista do Nirvana suicidou-se com um tiro em abril de 1994.

Larry Willians
Parceiro dos Beatles em algumas músicas, morreu no ano-novo de 1980. Sua mãe o encontrou na garagem de casa com uma mala recheada de dólares e um tiro na cabeça. Duvida-se da possibilidade de suicídio, pois seu dinheiro vinha do tráfico de drogas e não da música.

Les Harvey
Foi eletrocutado no palco, na Swansea University, em 1972, por mexer em um microfone com os pés molhados.

Paul Hester
O baterista da banda australiana Crowded House foi encontrado enforcado em um parque de Melbourne (Austrália), em 30 de março de 2005.

Randy Rhoads
Em 1982, o guitarrista do Ozzy Osbourne morreu quando o avião em que estava caiu. A aeronave, pilotada por Andrew Aycock, motorista do ônibus da banda, raspou no teto do ônibus onde dormiam outros músicos e acabou explodindo depois de bater em uma garagem.

Rory Storm
Baterista e líder da Merseybeat, ele tomou uma overdose de pílulas em 1974. Tinha um pacto suicida com sua mãe, que foi encontrada ao lado do corpo dele.

Sid Vicious
O baixista do Sex Pistols morreu de overdose de heroína durante uma festa de boas vindas na casa de sua mãe. A festa foi para comemorar a libertação do músico, que estava na cadeia, por ter assassinado sua namorada Nancy à facadas. O caso é um dos maiores mistérios do rock, a polícia nunca conseguiu comprovar que ele era culpado e Sid jurava não lembrar de nada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: