Black Ice

Depois de OITO anos sem um album novo, finalmente Angus Young, Malcolm Young, Brian Johnson, Cliff Willims e Phil Rudd (olha, mamãe: SEM OLHAR NA WIKIPÉDIA!) saem do jejum e lançam o novo disco: BLACK ICE. Ajoelha e faz sinal de reverência aí, seu puto.

Lindimais.

Lançado em 20 de outubro, Black Ice ocupa atualmente o primeiro lugar na lista de discos mais vendidos em mais de 28 países, como Bélgica, Nova Zelândia e no Reino Unido, onde só conseguiu ocupar o primeiro lugar UMA vez, há 20 anos atrás, com o Back In Black (que é o segundo disco mais vendido no mundo de todos os tempos, a propósito). Só nos Estados Unidos, já foram vendidos mais de 780 mil CDs. no mundo, a contagem chega a 5 MILHÕES. É coisa pra caralho, véis. Em pensar que aqui no Brasil, o primeiro lugar de 2008 pertence a IVETE NO MARACANÃ, tsc tsc.

Mas, enfim, FOLDASE as estatísticas. Se números significassem realmente algo, então Thriller seria o melhor disco de todos os tempos (AHHR). É só mesmo pra vocês terem idéia de que, em plena era da web 2.0, em que você pode baixar a discografia inteira de uma banda de graça via torrents com a mesma facilidade com a qual cê tá coçando o saco aí, uma banda de rock realmente foda pode quebrar recordes e vender milhões de cópias. Dá até vontade de chorar.

 AC/DC
Rocking hard socks since 1973.

Vamo direto ao ponto: Black Ice é bom? Não só bom, amiguinho. É FÓDO. FODEROSO. Junto com Back In Black e Highway To Hell, compõe a Santíssima Trindade dos albuns do AC/DC, onde nenhum dos três é melhor que o outro: todos estão no mesmo nível completamente novo de fodacidade épica musical. Além disso, logo de cara, a arte da capa é disparado a mais linda que eu já vi na vida, com relevo e tudo mais. São 3 variantes: a vermelha, amarela e a branca. Vontade de passar o dia inteiro admirando a capa, passando o dedo nela. Vontade de TREPAR com essa capa, pqppqppqppqpppqpqp.

Cês sabem que o brasileiro é bicho desleixado, né? Então. Infelizmentem, na versão brasileira do CD, ENCHARCARAM o bichinho de cola. Então pode ser bem difícil tirar o encarte, e seus dedos podem acabar ficando grudentos. Ponto negativo pra versão tupininquim, uma vez que eu já coloquei as mãos na versão australiana (DAEW FELAGUND) e ela não tem esse problema, além de ter bem mais relevos. Mas isso são detalhes, e é preciso ser realmente viado pra ficar incomodado. Você é viado? Não? Certeza? Absoluta? Então, FALA GROSSO, PORRA.

Quanto às músicas: começa com Rock N Roll Train, que é a mais viciante do álbum e cê com certeza já viu o clipe. Peraí, como assim não? Taquipariu, eu tenho que te mostrar mesmo TUDO? A loc, dá logo play aí, ow:

Foda, huh? E se você não gostou, pode parar de ler esse post por aqui e vai voltar a ouvir Fresno, que é com certeza o seu tipo de música.

Depois de Rock N Roll Train, temos Skies On Fire, Big Jack, Anything Goes (a favorita do Barbosa), e War Machine, que um dia vai fazer dupla com o Iron Man do Black Sabbath e salvar o mundo das cáries armas.

Se um dia sair o filme solo do War Machine, pelo menos a gente já sabe qual vai ser a trilha sonora.😀

Depois daí, Smash N Grab, Spoilin’ For a Fight, Wheels, Decibel, Stormy May Day e She Likes Rock N’ Roll, que por algum motivo me fez lembrar muito de You Shook Me All Night Long, uma das melhores deles.😀

Daí vem Money Made e seu começo deliciosamente cremoso, Rock N’ Roll Dream, talvez uma das menos agitadas deles, Rocking All the Way e, finalmente, a música que dá título ao CD e uma das melhores desse mundo, Black Ice. E então as faixas acabam e fica aquele gostinho de “mas JÁ?!”, que faz você ouvir todas as músicas desde o começo de novo e de novo e de novo.

Certa vez, chegaram para Angus Young e perguntaram como é fazer o mesmo album uma dúzia de vezes, ao que ele respondeu: “Isto é uma mentira suja. A verdade é que fizemos o mesmo álbum 14 vezes”. E essa é a mais pura verdade. Os albuns da banda mudam muito pouco de um pra outro, você sempre sabe como um CD do AC/DC vai soar. E, caras, isso é ÓTIMO. Pelo menos no caso do EicíDicí. Porque, bem, NÃO TEM O QUE MUDAR. Não são como outras bandas que resolvem mudar de estilo do nada e fodem tudo totalmente. É ótimo como exatamente como é, e eles sempre conseguem fazer mais do mesmo sem soar repetitivos.

Com Black Ice, Angus e cia voltaram com força total. É incrível ver como, mesmo com todos os integrantes tendo mais de 40 anos, ainda chutam a bunda de muita banda de pivetes metidos a roqueiros por aí. Se você acha que Jonas Brothers é rock, tsc tsc. Cê ainda tem MUITO o que aprender, gafanhoto.

Mas não deixa de dar uma certa tristeza ver Angus Young que antes fazia isso:

…arriscando só alguns poucos passos no clipe de Rock N Roll Train. Ele continua sendo fódo? Claro que sim. Seus riffs continuam sendo ABSURDOS? Pode apostar, véi. Pode chamar de tiozões do rock o quanto quiser, seu McFly-fan, mas eles comem o cu do Danny, Dougie, Harry e Tom fácil, fácil.

É uma pena que deuses do rock não sejam imortais, fisicamente falando. Mas isso não signfica que eles morram. Um dia, todos eles subirão uma escadaria para o Paraíso e lá viverão calmamente pra toda a eternidade, como pássaros livres.

Mentira.

Roqueiros fazem simpatias para o Diabo ao som das badaladas do Sino do Inferno, então percorrem toda a auto-estrada para o Inferno, onde há fumaça sobre a água, céus em chamas, porcos de guerra, fadas de botas e lobos latindo para a Lua na noite das longas facas. Então sentam-se em tronos feitos de espíritos jovens, cercados de sexo, drogas e fucking awesome rock n roll.

Mas ainda falta um bom tempo pra isso. Até lá, KEEP ROCKIN’.😀

PS: Prometo peitos neste post até o fim dessa semana, senão mudo meu nome pra PAÇOKINHA DA SILVA.

[UPDATE]
Como prometido:

AGORA SIM uma imagem que faça jus ao tema do post. Angus Young ficaria orgulhoso.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: